Após uma semana cheia de treinos e com foco total no confronto da terceira rodada do Campeonato Paraibano, o elenco do Treze só pensa na reabilitação contra o São Paulo Crystal. Com o time na terceira colocação da tabela de classificação, uma posição abaixo do adversário desta quarta-feira, o meia Kleiton Domingues sabe da responsabilidade que tem pela frente, devido ao formato da competição, e afirmou que para o grupo só a vitória importa.

Acompanhe o dia a dia do GaloVeja os números do Treze na temporada 2021Confira a tabela completa do Campeonato Paraibano 2021

Vindo de uma derrota por 2 a 0 para o Botafogo-PB, no Clássico Tradição da segunda rodada, para se manter firme no pelotão de frente da tabela de classificação, o Galo precisa vencer o Tricolor de Cruz do Espírito Santo, fora de casa, mas sabe que a missão não é simples como parecia ser antes de começar o campeonato. Se vencer, o Treze deixa o São Paulo Crystal para trás na tabela, e, para o meia Kleiton Domingues, não se pode pensar em voltar para Campina Grande sem os três pontos conquistados.

— Nós entramos na competição e ganhamos o primeiro jogo. No segundo jogo, veio um resultado adverso e, quando se tem um resultado adverso num campeonato desse, que é curto, e nosso objetivo é chegar na final para buscar pelo título, após um revés não se pode pensar em outra coisa que não seja a vitória, não existe outro resultado. Claro, respeitando a equipe do São Paulo Crystal, que sabemos que tem jogadores qualificados, mas nós aqui estamos fechados e imbuídos em um só objetivo, que é sempre vencer — disse o meia.

Além de enfrentar um adversário qualificado, o time do Treze também terá uma dificuldade a mais na partida, que é jogar no gramado do Estádio Carneirão, que foi alvo de muitas críticas após o jogo da primeira rodada, onde o Tricolor Canavieiro venceu o Campinense por 2 a 1. A diretoria do Galo chegou a tentar junto à Federação Paraibana de Futebol (FPF) uma mudança no local da partida, mas o pedido não foi atendido pela entidade, e a partida está mantida no Carneirão. Ciente do que vem pela frente na quarta-feira, Kleiton sabe que esse obstáculo pode deixar o confronto mais difícil.

— Nós sabemos das dificuldades que existem no campeonato. A questão do campo, mesmo que uma equipe possa ter um pouco mais de qualidade técnica, devido à questão do campo, acabam elas se igualando, e nós estamos trabalhando justamente pensando em todas as dificuldades que possamos encontrar, para que possamos fazer o melhor jogo para conseguir os três pontos, que é o objetivo principal da equipe — finalizou Kleiton.

Na tarde desta terça-feira, o Treze encerra a preparação no estádio Presidente Vargas e depois inicia o regime de concentração. A delegação só deve se dirigir para Cruz do Espírito Santo na quarta-feira, dia do jogo, chegando horas antes do início da partida, que está marcada para as 20h.

Leia mais notícias do esporte paraibano no ge.globo/pb