O botijão de gás de cozinha pode ser encontrado a partir de R$ 80 até R$ 95 em 34 locais pesquisados pela Autarquia de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon-PB), nessa terça-feira (6), em João Pessoa. O resultado da busca foi divulgado nesta quarta (7).

No pagamento à vista do botijão de 13 Kg com entrega, os preços oscilaram de R$ 82 a R$ 95. Apenas um estabelecimento apresentou o menor valor – o Ultra Gás (Cuiá); e somente dois apresentaram o maior preço de R$ 95: Real Gás (Bancários) e Aderval Gás e Água (Mangabeira), uma diferença de R$ 13 e variação de até 15,85%.
 
No pagamento a prazo do botijão com entrega, o menor preço encontrado foi de R$ 85 e sem entrega foi de R$ 80 no SOS Gás (Torre), uma diferença de R$ 5. O maior preço a prazo do botijão (com e sem entrega) foi de R$ 95 nos estabelecimentos Real Gás (Bancários), Aderval Gás e Água (Mangabeira), Gravatá Gás (Planalto Boa Esperança), Beto Gás (Valentina) e B e M Comércio Varejista (Veado Sobradinho), que corresponde a 14,71% dos estabelecimentos. A diferença a prazo com entrega é de R$ 10,00 com uma variação de até 11,76% e sem entrega a diferença é de R$ 15 com variação de até 18,75%.
 
Nos estabelecimentos pesquisados, apenas alguns deles comercializam o botijão novo. Neles, os preços do produto com pagamento à vista oscilaram de R$ 200 no Torre Gás (Mangabeira) a R$ 290, no Ivan Gás e Água (Bessa), possibilitando uma economia de até R$ 90, com uma variação em torno de 45%.
 
O botijão novo com pagamento a prazo varia de R$ 200 no Torre Gás (Mangabeira) a R$ 260 na Casa do Gás (Treze de Maio), uma economia de R$ 60, com uma variação em torno de 30%.

Seu endereço de email não será revelado.