Mais de sete anos se passaram desde o dia 16 de março de 2014, quando — com gols de Valdo e Wanderley, para o Campinense, e Mazinho, para a Queimadense — a Raposa venceu o Carcará por 2 a 1 em partida válida pelo segundo turno do Campeonato Paraibano daquele ano. Na tarde desta quarta-feira, no Estádio Amigão, em Campina Grande, uma nova página na história do confronto entre as duas equipes será escrita, quando às 15h30, a bola rolará para um jogo-treino de preparação para as equipes antes do início das competições oficiais na Paraíba.

Após indefinições, adiamentos e proibição de uso de praças esportivas por força de decretos, o Campinense possui (ao menos por enquanto) um norte na sua preparação para a temporada. O técnico Ederson Araújo busca aproveitar os dias que antecedem a tão esperada estreia no estadual como laboratório para testar peças e possibilidades. Com 64 dias de pré-temporada contabilizados até o momento, muitas mudanças foram percebidas pelo torcedor, desde saídas e chegadas de alguns jogadores, até o estilo de jogo da equipe, que precisou ser modificado após o sonoro 7 a 1 sofrido para Bahia, pela Copa do Brasil, na estreia do time na temporada.

Para o teste contra a Queimadense, todos os atletas estarão à disposição da comissão técnica rubro-negra. No departamento médico está, atualmente, apenas o meia Juliano, remanescente do grupo de 2020 e que se recupera de uma ruptura no ligamento colateral lateral do joelho direito. O atleta segue em tratamento, mas ainda sem previsão para a volta às atividades com o restante do grupo.

Pelo lado da Queimadense, o técnico Luiz Carlos Mendes, que, além da equipe profissional comandará também o sub-19 nesta temporada, deverá usar o compromisso para dar rodagem aos jovens atletas que disputarão, no segundo semestre, a 2ª divisão do Campeonato Paraibano e o estadual sub-19, que dá aos finalistas uma vaga na Copa São Paulo de Futebol Júnior do ano seguinte.

A Raposa busca afinar seu repertório antes da estreia no Campeonato Paraibano, contra o São Paulo Crystal, no próximo dia 18 de abril, no Estádio Carneirão, em Cruz do Espírito Santo. Antes da partida contra o Tricolor Canavieiro, o Campinense ainda vai até o Estádio Lacerdão, em Caruaru, enfrentar o Central em partida amistosa no próximo sábado.

Leia mais notícias do esporte paraibano no ge.globo/pb